Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v.12, n.23, jul./dez. 2021.

APRESENTAÇÃO

  • Editorial

ARTIGOS

RELATOS DE EXPERIÊNCIAS E PRÁTICAS

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v.12, n.22, jan./jun. 2021.

ENSINO DE GEOGRAFIA UFU

APRESENTAÇÃO

  • Editoria

ARTIGOS

RELATOS DE EXPERIÊNCIAS E PRÁTICAS

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v.12, n.22, jan./jun. 2021.

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATOS DE EXPERIÊNCIAS E PRÁTICAS

 

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v.11, n.21, jul./dez. 2020.

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATOS DE EXPERIÊNCIAS E PRÁTICAS

 

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 11, n. 20, jan./jun. 2020.

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATOS DE EXPERIÊNCIAS E PRÁTICAS

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 10, n. 19, jul./dez. 2019.

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATOS DE EXPERIÊNCIAS E PRÁTICAS

RESENHAS

Volta ao mundo em 13 escolas: sinais do futuro no presente | André Gravatá

Volta ao mundo em 13 escolas é um projeto do coletivo Educ-Ação que vai mostrar o sonho de Eduardo Shimahara (Shima), juntamente com André Gravatá, Camila Piza e Carla Mayumi, em compreender a educação contemporânea ao redor do mundo. Ao todo, foram visitadas 13 escolas distribuídas por nove países sendo eles por sua vez em Cinco continentes diferentes.

A ideia surge com Shima, que se pergunta se é possível existir um método de ensino além do conhecido tradicional. Essa ideia é incorporada por seus amigos que se juntam nessa empreitada de visitar várias escolas espalhadas pelo mundo a fim de compreender o método educacional vigente. Para isso o critério utilizado para seleção das escolas foi a diversidade. Passam cinco dias em cada escola para entender seu funcionamento e ações sejam de professores, estudantes ou até mesmo dos pais. Leia Mais

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 10, n. 18, jan./jun. 2019.

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATOS DE EXPERIÊNCIAS E PRÁTICAS

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 9, n. 17, jul./dez. 2018.

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATOS DE EXPERIÊNCIAS E PRÁTICAS

NOTAS

O livro didático de geografia e os desafios da docência para a aprendizagem | Maria Ivaine Tonini

1   INTRODUÇÃO

A obra é organizada predominantemente por professores vinculados ou que já possuíram vínculo com a Universidade Federal do Rio Grande do Sul, como Ivaini Maria Tonini, Lígia Beatriz Goulart, Roselane Zordan Costella e Rosa Elisabete Militz Wypyczynski Martins, além de Manoel Martins de Santana Filho, professor na Faculdade de Formação de Professores da Universidade Estadual do Rio de Janeiro.

Como o próprio título indica, o conteúdo do livro não pretende apresentar receitas prontas para o trabalho com livros didáticos, mas nos leva a refletir sobre o papel desse recurso didático na prática docente em Geografia, de forma a contribuir no processo de ensino-aprendizagem. A obra é dividida em três blocos, cujos artigos são descritos a seguir. Leia Mais

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 8, n. 15, jul./dez. 2017.

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATOS DE EXPERIÊNCIAS E PRÁTICAS

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 8, n. 14, jan./jun. 2017.

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATOS DE EXPERIÊNCIAS E PRÁTICAS

RESENHAS

A cartografia no ensino de geografia: a aprendizagem mediada | Mafalda Nesi Francischett

1   INTRODUÇÃO

Este texto apresenta a síntese da obra intitulada “A cartografia no ensino de Geografia”, resultado da tese de doutoramento da Professora Mafalda Nesi Francischett. A tese foi defendida em 2004, no Programa de Doutorado em Geografia da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Estadual Paulista, campus de Presidente Prudente. A temática pesquisada foi o ensino de Cartografia por meio de maquetes no curso de Geografia. Desenvolveu a pesquisa por meio da pesquisa-ação, que permitiu à pesquisadora envolver-se com o trabalho, analisar, avaliar e refletir enquanto os caminhos da pesquisa se delineavam. O é de obra grande importância pelo método de pesquisa – pesquisa-ação – que evidencia o comprometimento da autora com o processo formativo de professores para a educação básica e também porque aborda a importância da Cartografia como ciência que, aliada à Geografia, tem grande potencial para o ensino da espacialidade.

O objetivo central da pesquisa foi evidenciar como, por meio da maquete, se pode ensinar os conceitos fundamentais da Cartografia, de tal modo que o processo de aprendizagem se torne significativo e se reverta em apropriações conceituais para os estudantes. Leia Mais

Revista de Ensino de Geografia. v. 7, n. 13, jul./dez. 2016.

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATOS DE EXPERIÊNCIA E PRÁTICA

Os Sete Saberes Necessários à Educação do Futuro | Edgar Morin

Para a educação do futuro exige-se enfrentar os problemas que para o autor, “são ignorados ou esquecidos”. Para os educadores, há a preocupação de como transmitir conhecimentos dentro de uma estrutura social hierarquizada e em permanente transformação. É um desafio para eles lidar com os novos saberes que a sociedade moderna exige e que contribuição terá estes novos saberes na educação do futuro.

Em sua análise, o autor evidencia a sociedade contemporânea e como as diferentes maneiras de articular dentro do universo escolar uma formação mais humana, vinculando os conhecimentos antigos, modernos e contemporâneos não excluindo os aparelhos eletrônicos, que tantas benesses trouxeram para a formação intelectual do homem deste novo século. O autor expõe também, nesta obra, a velocidade e a eficiência com que as informações são divulgadas aos quatro cantos do continente e como são dimensionados os processos de controle e articulação de bases sólidas na transmissão de conhecimentos que seriam universais com interesses da maioria. Leia Mais

Revista de Ensino de Geografia. v. 7, n. 12, jan./jun. 2016.

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATOS DE EXPERIÊNCIA E PRÁTICA

RESENHAS

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 6, n. 11, jul./dez. 2015.

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATOS DE EXPERIÊNCIA E PRÁTICA

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 6, n. 10, jan./jun. 2015.

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATOS DE EXPERIÊNCIA E PRÁTICA

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 5, n. 9, jul./dez. 2014.

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATOS DE EXPERIÊNCIA E PRÁTICA

RESENHA

Maneiras de Ler Geografia e Cultura | A. L. Heidrich, B. P. da Costa e C. L. Z. Pirez

O estudo das representações abre caminhos para uma análise do mundo de interações que ocorrem no cotidiano. Esse categorial quebra paradigmas, pois ao invés de uma análise do ser no espaço, torna imprescindível a compreensão do ser enquanto espaço. É a chamada Geografia Cultural que surge nesse contexto, uma geografia dos sentidos, dos significados, das representações.

Para Gil Filho (2005, p. 54) “uma Geografia das Representações é uma Geografia do conhecimento simbólico”. Atualmente a Geografia acadêmica tem promovido ampla discussão, pautada em inúmeras pesquisas que entrelaçam por caminhos das distintas áreas do conhecimento. Leia Mais

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 5, n. 8, jan./jun. 2014

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATO DE EXPERIÊNCIA E PRÁTICA

Ensino da Geografia e Mídia: linguagens e práticas pedagógicas | Vicente de Paula Leão e Inêz Aparecida de Carvalho

A obra Ensino da Geografia e Mídia: linguagens e práticas pedagógicas dos autores Vicente de Paula Leão e Inêz Aparecida de Carvalho Leão traz reflexões sobre a utilização de textos mediáticos no ensino de geografia, a partir de uma pesquisa de campo realizada através de questionários e observações de vídeos feitos com professores em escolas publicas e privadas nos Estados de Minas Gerais e São Paulo. A obra explora os aspectos ligados à aplicação desse recurso em sala da aula, avaliando suas vantagens e desvantagens e fazendo reflexões sobre o ensino de geografia e a prática docente. Apresentaremos o livro conforme sua organização, a introdução, posteriormente seus capítulos e as considerações finais, finalizaremos destacando pontos importantes, tecendo criticas e sugestões.

A introdução do livro de Vicente de Paula apresenta quais os pontos serão discutidos ao longo da obra, indica que sua investigação surgiu de uma preocupação, sobre como o recurso midiático esta sendo utilizado nas aulas de geografia pelo docente, destacando as dificuldades que os professores possuem em relacionar esses recursos com a própria ciência geográfica e principalmente a ausência de mediação entre o texto midiático e o ensino em sala de aula. Entre seus procedimentos metodológicos, utilizou a pesquisa de campo com questionário com aspectos quantitativos e qualitativos e filmagens de aulas de geografia onde os professores utilizavam o recurso midiático. Leia Mais

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 4, n. 6, jan./jun. 2013.

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATO DE EXPERIÊNCIA E PRÁTICA

RESENHA

NOTA

Geografia no Ensino Fundamental I Janine Lessann

A Geografia nas séries iniciais do ensino fundamental ainda apresenta algumas dificuldades para o amplo desenvolvimento do processo ensino-aprendizagem, pois as carências impedem a ampliação de práticas educativas voltadas exclusivamente para o ensino de Geografia, tais problemas originam-se da formação não específica para o professor das séries iniciais, poucos trabalhos de pesquisa desenvolvidos se preocupam com o material pedagógico e didático direcionado para uma Geografia cognitivista. Compreendemos os méritos desta Geografia, mas também apontamos os problemas, já que essa Geografia matematiza e geometriza o espaço geográfico, confundindo o mesmo como espaço geométrico. Leia Mais

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 3, n. 5, jul./dez. 2012.

APRESENTAÇÃO

Editoria

ARTIGOS

RELATO DE EXPERIÊNCIA E PRÁTICA

RESENHA

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 3, n. 4, jan./jun. 2012.

APRESENTAÇÃO

ARTIGOS

A MÚSICA NAS AULAS DE GEOGRAFIA |  | Alexsandra Muniz

RELATO DE EXPERIÊNCIA E PRÁTICA

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 2, n. 3, jul./dez. 2011.

APRESENTAÇÃO

ARTIGOS

RELATO DE EXPERIÊNCIA E PRÁTICA

Geografia: práticas pedagógicas para o ensino médio | Nelson Rego, Antonio Carlos Castrovanni e Nestor André Kaercher

O livro é uma coletânea que reúne quatorze autores do Rio Grande do Sul, a maioria ligada à Universidade Federal daquele Estado (UFRGS), seja como docentes do Departamento de Geografia ou da Faculdade de Educação, casos dos três organizadores da obra, seja como egressos do curso de Licenciatura em Geografia ou de programas de pós- graduação em Geografia, Educação ou Geociências, alguns quando ainda mestrandos ou doutorandos. Vários desses autores atuavam também em outras instituições gaúchas de ensino superior (PUC-RS, Universidade Luterana do Brasil-Canoas-RS, Universidade Regional do Noroeste do Rio Grande do Sul/Unijuí, Faculdade Cenesista de Osório-RS e Fundação Universitária de Rio Grande-RS), ou fundamental e médio em escolas públicas ou privadas.

Mais que a origem geográfica dos autores, esse dado confirma a constituição de um grupo de educadores geógrafos do Rio Grande do Sul que nos últimos anos tem contribuído com uma produção significativa sobre ensino de geografia, com várias obras individuais e coletivas publicadas. Leia Mais

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 2, n. 2, jan./jun. 2011.

APRESENTAÇÃO

ARTIGOS

RELATO DE EXPERIÊNCIA E PRÁTICA

RESENHA

NOTA

Revista de Ensino de Geografia. Uberlândia, v. 1, n. 1, jul./dez. 2010.

EDITORIAL

RELATO DE EXPERIÊNCIA E PRÁTICA

RESENHA

Repensando a Geografia Escolar para o Século XXI | José William Vesentini

O livro lançado em 2009 pelo professor Vesentini é uma contribuição importante para pensarmos o papel do ensino de Geografia e da própria ciência geográfica, pois o texto aponta elementos críticos que nos fazem refletir quanto à atualidade e as projeções desta ciência no cotidiano escolar.

Compõem o livro três capítulos, prefácio, perguntas feitas ao autor (faqs) e considerações finais. O primeiro capítulo, “Introdução: uma apologia do ensino de Geografia… e da história, da sociologia, da filosofia, da educação física e artística”, tece críticas necessárias às mudanças que ocorreram na escola nos últimos anos. Destaca como um dos problemas, principalmente no estado de São Paulo, a inferiorização de todas as disciplinas escolares como “auxiliares” para o ensino da matemática e da língua portuguesa. Sublinha ainda como problema a aprovação automática e a opção por uma política educacional vinculada aos interesses do Banco Mundial. O autor compara as mudanças na educação escolar no Brasil com as que ocorreram nos Estados Unidos no governo Bush a partir da legislação “No Child Left Behind Act” (Nenhuma Criança Deixada para Trás) em 2001, que priorizou a subtração dos conteúdos científicos em detrimento dos conteúdos conservadores e de explicação bíblica. Também essa legislação tornava obrigatório aos alunos fazerem testes, os quais comparavam e qualificavam as escolas por esses resultados. Leia Mais

Ensino de Geografia | UFU | 2010

ENSINO DE GEOGRAFIA UFU

A Revista de Ensino de Geografia (Uberlândia, 2010) é uma publicação do Laboratório de Ensino de Geografia do IG-UFU, editada unicamente no formato eletrônico.

Lançada em dezembro de 2010 (v. 1, n. 1, jul./dez. 2010), tem como principal propósito a difusão de conhecimento e o debate em um espaço aberto para todos aqueles que se interessam, pensam e fazem o ensino da Geografia em diferentes contextos e circunstâncias, de todas as correntes teórico-metodológicas e linhas de pensamento.

A Revista de Ensino de Geografia recebe em fluxo contínuo para avaliação e possível publicação trabalhos relacionados ao ensino e à aprendizagem de Geografia ou à educação geográfica em todos os níveis da escolarização formal e em espaços educativos não escolares. Os trabalhos podem ser resultados de pesquisas realizadas individualmente ou por grupos, estudos teóricos e bibliográficos, experiências educativas e práticas de sala de aula, monografias e trabalhos de conclusão de curso, projetos de ensino e extensão universitária, dissertações de mestrado, teses de doutorado.

Além de artigos científicos, relatos de experiências e práticas, resenhas bibliográficas, notas e comunicações de interesse para seu público, eventualmente pode publicar também dossiês sobre temas específicos, entrevistas, transcrições e traduções.

Periodicidade semestral.

Acesso livre

ISSN: 2179-4510

Acessar resenhas

Acessar dossiês [Não publicou dossiês até 2021]

Acessar sumários

Acessar arquivos