Em seu segundo número do segundo volume, a Historiae dá continuidade à publicação de dossiês temáticos, voltando-se tal edição à abordagem da História Política. Tantas vezes negligenciada, desprestigiada ou tratada com significativo preconceito, tal matriz histórica viria a progressivamente recuperar seu status de prática reconhecida no campo do fazer histórico. Esse menosprezo deveu-se essencialmente à confusão estabelecida entre a História Política e a história dita factual, à deliberada intenção de sonegar os resultados provenientes das análises realizadas pelo prisma político e as amplas implicações daí advindas e / ou tendo em vista as dificuldades em enquadrar as interpretações históricas de natureza política em modelos preestabelecidos, uma vez que, volátil, tal enfoque nem sempre se molda a explicações de caráter apriorístico.

Vencidos os desprezos advindos das visões reducionistas e / ou dos modismos historiográficos, renovada em sua essência teórico-metodológica e em contato íntimo e intenso com os mais variados segmentos do conhecimento humano, a História Política vem perpassando uma etapa de notória aceitação no seio da produção do saber histórico. Nesse contexto, a Historiae promove a publicação do Dossiê “História Política: entre as práticas e as representações” trazendo abordagens diversificadas envolvendo análises centradas nas relações entre história e política.

Dentre esses temas são apresentadas interfaces entre a política e a interpretação histórica no que tange à historiografia, à imprensa, à numismática, à memória, ao cotidiano, ao pensamento político, à guerra, às estruturas governamentais, ao jacobinismo e à justiça. Os trabalhos independentes em relação ao fulcro desta edição também têm seu espaço, com abordagem de questões em torno do feminismo, da teoria, da escravidão e as relações entre academia e industrialização.

Assim a Historiae – Revista de História da Universidade Federal do Rio Grande permanece em seu percurso, inaugurado ainda ao final dos anos setenta do século vinte, de divulgar a produção científica, acadêmica e cultural oriunda da pesquisa de natureza histórica.

Francisco das Neves Alves – Presidente do Corpo Editorial.


ALVES, Francisco das Neves. Apresentação. Historiae, Rio Grande- RS, v. 2, n. 2, 2011. Acessar publicação original [DR]

Acessar dossiê

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.