Crítica Historiográfica | UFRN/UFS | 2021

Critica Historiografica Crítica Historiográfica

Crítica Historiográfica (Natal/Aracaju, 2021-) Publica resenhas de livros e de dossiês de artigos de revistas especializadas, resultantes da reflexão, investigação, comunicação e/ou consumo da escrita da História.

A revista cumpre o objetivo de fomentar a cultura da avaliação da escrita da História, com foco no diálogo entre autores(as) de resenhas e autores(as) e leitores(as) de obras de História. Assim, abre espaço não apenas para a resenha, mas aceita também as réplicas dos autores e eventuais comentários dos leitores da obra resenhada e da resenha.

A revista também se engaja na valorização do gênero textual resenha como instrumento de comunicação científica, reivindicando, inclusive, a sua inclusão como produto intelectual na Plataforma Lattes e no Sistema de Coletas Capes.

Crítica Historiográfica aceita e publica em média sete trabalhos por volume bimestral, produzidos por pesquisadores(as) de todos os níveis de formação, com espaço distribuído na seguinte proporção: doutores (a partir de 50%), doutorando(a)s, mestre(a)s, mestrando(a)s/especialistas/graduado(a)s graduandos (até 50%).

Trata-se de empreendimento criado e mantida por um consórcio de grupos de pesquisa radicados em instituições públicas de ensino superior: a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e a Universidade Federal de Sergipe (UFS).

Periodicidade bimensal

ISSN SSN 2764-2666

Acessar resenhas

Acessar dossiês [Não publica dossiês]

Acessar sumários

Acessar arquivos

Rural e Urbano | UFPE | 2016

RURAL E URBANO1 Rural e Urbano

A Revista Rural-Urbano (2016-) é um periódico semestral vinculado ao Programa de Pós-graduação em História da Universidade Federal Rural de Pernambuco e gerida pelos grupos de pesquisas “Produção do Espaço, Metropolização e Relação Rural-Urbano” da Universidade Federal Rural de Pernambuco (GPRU/UFRPE) e “Sociedade & Natureza” da Universidade Federal de Pernambuco (Nexus/UFPE). Seu objetivo é constituir-se enquanto canal de veiculação científica da rede de pesquisadores sobre as relações rural-urbano, bem como congregar artigos, ensaios e resenhas científicas a partir da História e da Geografia, que versem sobre processos passados e atualmente existentes no espaço rural e no urbano. A revista também objetiva congregar trabalhos das áreas de História, Geografia, Sociologia, Economia, Arquitetura e Urbanismo, Planejamento Urbano e Regional, Serviço Social e Educação.

Periodicidade Semestral

Acesso livre

ISSN 2525-6092

Acessar resenhas

Acessar dossiês

Acessar sumários

Acessar arquivos

Caliandra | ANPUH-GO | 2021

Caliandra Caliandra

CALIANDRA – Revista de História da ANPUH GO (Goiânia, 2021-) foi criada para fortalecer um processo de construção coletiva de conhecimento que já vem se realizando com reconhecida qualidade no estado. O periódico tem a intenção de participar desse esforço e ampliar possibilidades de divulgação científica, numa perspectiva plural e democrática.

Para isso, a revista foi pensada a partir de inúmeras sugestões, através de reuniões com membros da diretoria, coordenações de Grupos de Trabalho (GTs) e consulta aos filiados e filiadas, utilizando-se de formulários virtuais. Neste percurso, fizemos uma primeira consulta para coletar sugestões de nomes para o periódico. Numa segunda etapa, disponibilizamos as sugestões apresentadas e o nome mais votado foi esse que agora intitula a revista. CALIANDRA, conforme o autor da sugestão, é o nome de uma flor típica do cerrado que representa práticas e vivências plurais. Essa é a intenção desse espaço, para o qual contaremos com um conselho editorial composto por pessoas de diferentes instituições do estado e do país. A equipe editorial estará assim composta: Kênia Érica Gusmão Medeiros e Cristiano Nicolini, como editores chefes; Álvaro Ribeiro Regiani, Ana Carolina Eiras Coelho Soares, Eliane Martins de Freitas, Ricardo Lenard Alves e Thais Alves Marinho, como editores científicos.

A Caliandra – Revista de História da ANPUH GO pretende ser um espaço amplo de discussão acadêmica de temas históricos. Tem como objetivo a publicação de produções originais resultantes de pesquisa científica e outros tipos de textos como:

  • Artigos: resultados de pesquisa empírica ou conceitual.
  • Resenha: revisão crítica de livros publicados nos últimos três anos.
  • Tradução: artigos e capítulos de livros. Não há restrições quanto ao idioma do texto de partida. As traduções devem ser acompanhadas com a autorização por escrito do(s) autor(es) ou da(s) entidade(s) detentora(s) de seus direitos para publicação na revista Caliandra.
  • Divulgação científica: textos em formato acessível ao grande público que visem divulgar pesquisas históricas publicadas há no máximo doze meses.
  • Histórias de escola: narrativas acerca de experiências em escolas pela perspectiva da educação histórica.
  • Acervos e Fontes: textos de apresentação de acervos e fontes históricas.
  • Demandas do dia: temas contemporâneos (políticos, artísticos e etc) a partir da perspectiva teórico-metodológica da História.
  • Entrevistas: entrevistas que tratam sobre Histórias de vida (como linha da história oral e com as problematizações históricas) e vidas com a História (traz a camada do fazer acadêmico, da história como ofício, para o caso de entrevistas com historiadores).
  • Poemas: criações artísticas e emoções humanas no tempo/espaço.
  • Espaço dos GT’s: publicações de trabalhos desenvolvidos pelos Grupos de Trabalho da ANPUH GO, seja na esfera regional ou nacional, individualmente ou em parceria com outros grupos.

[Periodicidade semestral]

Acesso livre

Acessar resenhas [Não publicou resenhas até 2021]

Acessar dossiês [Não publicou dossiês até 2021]

Acessar sumários

Acessar arquivos

Antígona

Antigona Antígona

A revista Antígona destina-se a publicações no campo de História, Educação e Áreas afins, prezando pela produção, pelo ineditismo e pela inovação. Visando difundir as pesquisas dos professores e dos alunos e, assim, ampliando a visibilidade do Curso de História e do PPGHispam.

Antígona, de Sófocles, coloca-se no espaço público como expoente e defensora dos direitos individuais e coletivos, heroína do direito natural, da ética, do desejo, da resistência e da subversão. Por seu nome e sua inspiração, a Revista Antígona deve vivificar propostas que questionam doutrinas pré-estabelecidas, levantando novas problematizações, novas abordagens, novos temas e novas metodologias.

Seus dossiês, artigos, resenhas e traduções devem contribuir para o aprofundamento e consistência da História e da Historiografia, da Licenciatura em História, das Ciências Humanas e Áreas afins, bem como para o debate sobre o Direito dos Povos, desenvolvidos nesse campus. Seu candelabro simboliza a inspiração da chama do conhecimento, da solidão do trabalho intelectual e da luz regeneradora que atravessa caminhos na escuridão.

Periodicidade semestral.

Acessar arquivos

Acessar resenhas

 

Filosofia e História da Biologia | USP | 2020

Filosofia e Historia da Biologia 39 História da Biologia

Filosofia e História da Biologia (2020-) é uma revista USP com a parceria da Associação Brasileira de Filosofia e História da Biologia (ABFHiB). Ela integra as publicações do Centro Interunidades de História da Ciência (CHC) da Universidade de São Paulo. Criada em 2006, passou a ter periodicidade semestral a partir de 2010.

Publica artigos resultantes de pesquisas originais referentes a filosofia e/ou história da biologia e suas interfaces epistêmicas, como história e filosofia da biologia e educação científica.

A revista aceita artigos em português, espanhol ou inglês. Somente textos inéditos poderão ser aceitos para publicação em Filosofia e História da Biologia. Todos os trabalhos submetidos serão enviados para análise de dois pareceristas. Em caso de divergência entre os pareceres, o trabalho será analisado por um terceiro árbitro, sendo da competência das editoras a decisão final sobre a publicação.

[Periodização semestral].

É permitido reproduzir e distribuir o material disponível com referência ao trabalho original.

ISSN 1983-053X (Impressa)

ISSN 2178-6224 (Online)

Acessar resenhas [Ainda não publicou resenhas]

Acessar dossiês [Ainda não publicou dossiês]

Acessar sumários

Acessar arquivos

Abatirá | UNEB | 2020

Abatira Abatirá | UNEB | 2020

Abatirá (Eunápolis, 2020) é uma publicação eletrônica do Departamento de Ciências Humanas e Tecnologias do Campus XVIII da Universidade do Estado da Bahia (UNEB) e tem como escopo fomentar a produção científica para a construção do conhecimento no campo da Educação.

A revista ABATIRÁ é organizada através textos originais de diferentes perspectivas teórico-metodológicas, que contribuam para o debate acadêmico sobre as várias dimensões da educação: políticas públicas educacionais; trabalho docente e as práticas pedagógicas; produção e difusão do conhecimento nas diversas áreas dos currículos, nos diferentes níveis e modalidades de educação; processo de ensino e aprendizagem; contribuição de outras áreas do conhecimento no constructo de epistemologias, metodologias, currículos e inovações didáticas no campo da educação.

Busca a publicação de estudos científicos inéditos, de caráter teórico ou aplicado e de reconhecida qualidade acadêmica, produzidos por pesquisadoras(es) de universidades e instituições de pesquisa do Brasil e do exterior.

Periodicidade semestral.

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

ISSN  2675-6781

Acessar resenhas

Acessar dossiês

Acessar sumários

Acessar arquivos

História da Arte e da Cultura | Unicamp | 2020

Historia da Arte e da Cultura História da Arte e da Cultura | Unicamp | 2020

Revista de História da Arte e da Cultura (2020-) é uma publicação vinculada ao Programa de Pós-Graduação em História do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Estadual de Campinas e uma iniciativa do Centro de História da Arte e Arqueologia (CHAA), desta universidade. Seu principal objetivo é promover um contínuo desenvolvimento da História da Arte e da Cultura no Brasil, relacionando-as com a produção internacional da área.

Revista de História da Arte e da Cultura é a continuação natural da Revista de História da Arte e Arqueologia (RHAA), que em seus 24 números, entre 1994 e 2015, tornou-se referência das revistas científicas brasileiras na área, além de ser a primeira a tratar as duas disciplinas de modo correlato. O objetivo da nova RHAC é continuar com excelência o trabalho, adequando-se às novas necessidades e determinações dos padrões internacionais das revistas acadêmicas.

Primeiro a Revista de História da Arte e Arqueologia e agora a Revista de História da Arte e da Cultura são partícipes do crescente interesse na disciplina, que no departamento de História da Universidade Estadual de Campinas cristaliza-se com a área de concentração em História da Arte e suas linhas de pesquisas. Este periódico afirma o compromisso com a área e sua divulgação em um cenário internacional. Sua publicação online garante uma irrestrita visualização a todos os interessados na disciplina.

A RHAC tem por objetivo a publicação e divulgação da produção acadêmica na área de História da Arte e da Cultura. Abrange textos voltados particularmente à reflexão sobre a visualidade, em suas conexões com o campo cultural. A publicação de trabalhos em português, inglês, francês, italiano e espanhol facilita o acesso a leitores brasileiros e estrangeiros. Publica inéditos de especialistas nacionais e estrangeiros nas seguintes modalidades: artigos, resenhas, entrevistas e transcrições de documentos. Propostas para dossiês podem ser encaminhadas para aprovação no conselho.

Após prévia consideração da Equipe Editorial, que verifica se o escopo e as diretrizes da revista estão devidamente atendidos, as submissões são enviadas a dois pareceristas ad hoc, especialistas no tema, em sistema duplo-cego de avaliação por pares, que podem aceitar, recusar ou sugerir alterações ao autor. Em caso de divergência entre os pareceres, a decisão final cabe ao Editor.

Revista de História da Arte e da Cultura publica duas vezes ao ano, com periodicidade semestral. A submissão de artigos ocorre em fluxo contínuo.

Acesso aberto

ISSN 2675-9829

Acessar resenhas

Acessar dossiês

Acessar sumários

Acessar arquivos

História do Direito | UFPR/IBHD | 2020

HISTORIA DO DIREITO História do Direito

A Revista História do Direito Revista do Instituto Brasileiro de História do Direito (2020), publicada pela Universidade Federal do Paraná em conjunto com o Instituto Brasileiro de História do Direito, é um periódico científico semestral destinado à publicação de textos de excelência na área de História do Direito e ao aprofundamento do diálogo com áreas afins.

A Revista História do Direito (RHD) será publicada com periodicidade semestral.

A Revista História do Direito (RHD) assegura o acesso público e gratuito a todo o seu conteúdo, no espírito de democratização do conhecimento científico e divulgação das pesquisas realizadas no campo da História do Direito

ISSN 2675-9284

Acessar resenhas

Acessar dossiês

Acessar sumários

Acessar arquivos

 

Resenhando | UNIFAL | 2020

Resenhando Resenhando

A Revista Resenhando (2020-) da Universidade Federal de Alfenas (UNIFAL/MG) surgiu em decorrência da produção de resenhas advindas de um projeto anterior – Resenhando – , idealizado e promovido pelo grupo PET – Conexões de Saberes – Letras da instituição.

Tem como foco publicações de resenhas, originais e inéditas, escritas, majoritariamente, pelo público da graduação e da pós-graduação, não havendo restrições em relação às áreas do saber com as quais a língua(gem), nas suas mais variadas instâncias, possa dialogar.

No geral, apresentam-se produções escritas do gênero Resenha em temáticas que envolvem: Teoria e Crítica Literária; Literaturas; Linguística; Tradução; Estudos de Tradução; Ensino de Línguas e Literatura; História e Estudos de Gênero.

Objetiva-se, nesse contexto, ampliar a visibilidade dos estudos nos campos das Letras ou de áreas correlatas, promovendo uma difusão de saberes que, posteriormente, possa servir como referência a futuras pesquisas, dentre outras contribuições.

Para tanto, não há discriminação quanto à data de publicação das obras resenhadas, desde que estejam relacionadas ao escopo da revista.

Serão aceitas resenhas que estejam dentro da linha editorial e das regras e normas para publicação desta revista, que receberá, pela editoria, publicações de resenhas em fluxo contínuo.

A Revista Resenhando publica dois volumes a cada ano, podendo, eventualmente, publicar dossiês ou números especiais adicionais.

ISSN 2675-7036

Acessar resenhas

Acessar dossiês [A revista não publica dossiês]

Acessar sumários

Acessar arquivos

Ingesta | USP | 2019

Ingesta Ingesta

A Revista Ingesta (2019) é uma publicação eletrônica de periodicidade semestral, editada por alunos de pós-graduação em História Social da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, membros do Laboratório de Estudos Históricos das Drogas e Alimentação (LEHDA), fundado em 2016 na mesma instituição.

Nosso objetivo é publicar artigos, resenhas e dossiês temáticos (em português, inglês ou espanhol) produzidos por pós-graduandos e pesquisadores pós-graduados, que possam contribuir com o desenvolvimento dos estudos históricos sobre alimentação e drogas, em seus amplos aspectos.

Textos relacionados ao campo da História serão privilegiados, mas aqueles que abordarem a temática e estiverem relacionados a disciplinas afins, como a Antropologia, a Sociologia, a Arqueologia, entre outras, também serão considerados para avaliação do Conselho Editorial e do Conselho Científico da revista.

[Periodicidade semestral].

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

ISSN 2596-3147

Acessar resenhas

Acessar dossiês

Acessar sumários

Acessar arquivos

Escritas do Tempo | Unifesspa | 2019

ESCRITAS DO TEMPO Escritas do Tempo

Transformar as experiências de homens e mulheres no tempo em “matéria histórica” requer inscreve-las em diferentes narrativas. Para representa-las – e domesticar o próprio tempo, por extensão -, homens e mulheres precisam contá-las e transformá-las em relatos, pois as experiências, assim como o tempo, tornam-se efetivamente humanas e sobrevivem à ação “amnésica do tempo”, apenas quando narradas.

É com esta missão de narrar e interpretar as experiências humanas no tempo em diferentes perspectivas de análise, através de distintas interrogações, reflexões, temas e temáticas de estudo, por diferentes ângulos teóricos e metodológicos, que a Revista Escritas do Tempo (2019-) nasce com uma das primeiras ações do Programa de Pós-Graduação em História (PPGHIST) da Unifesspa.

Periodicidade quadrimestral.

Este periódico constitui espaço especializado para publicação de artigos, dossiês, entrevistas e resenhas. Trata-se de uma revista online de acesso livre, imediato e gratuito, com periodicidade quadrimestral, recebendo propostas de publicação em fluxo contínuo.

ISSN 2674-7758

Acessar resenhas

Acessar dossiês

Acessar sumários

Acessar arquivos

História do Brasil | UFRB | 2018

Nordestina de Historia do Brasil História do Brasil | UFRB | 2018

Revista Nordestina de História do Brasil  (2018-) tem como objetivo publicar artigos, entrevistas, traduções e resenhas (de livros e artigos científicos) de pesquisadores especialistas em história do Brasil a partir de uma perspectiva local, regional e transnacional. As publicações ocorrem no modelo de Publicação Contínua (PC), conforme os Guias da SciElo, que orientam a publicação nesta modalidade.

Seus objetivos são: a) divulgar o conhecimento científico produzido pelos grupos e projetos de pesquisa vinculados aos Departamentos de História (DHs) e áreas afins das diversas Instituições de Ensino Superior (IES) do país e do exterior; b) criar uma rede de sociabilidade entre os pesquisadores de História do Brasil, especialmente aqueles que partem do recorte espacial supracitado para pensar nas diversas particularidades e diversidades do país; e c) fomentar uma rede de divulgação dos estudos oriundos das investigações realizadas na pós-graduação brasileira e nos outros países.

Periodicidade semestral.

ISSN 2596-0334 (Impresso)

ISSN 2674-7332 (Online)

Acessar resenhas

Acessar dossiês

Acessar sumários

Acessar arquivos

 

Fontes Documentais | IFS | 2018

Fontes Documentais1 Fontes Documentais

A Revista Fontes Documentais (2018-) é uma publicação científica com periodicidade quadrimestral e de fluxo contínuo, organizada pelo Grupo de Estudos e Pesquisas em História das Bibliotecas de Ensino Superior – GEPHIBES, vínculado ao Instituto Federal de Sergipe – IFS, com o objetivo de atuar como um veículo difusor e fomentador da produção acadêmica. Destina-se à divulgação de trabalhos gerados a partir de pesquisas originais, relatos de experiência, estudos bibliográficos, pesquisas em andamento, resumos expandidos e entrevistas desenvolvidas tanto no estado de Sergipe quanto em outras regiões brasileiras e/ou em outros países. As áreas de abrangência são:

  • Ciência da Informação
  • Biblioteconomia
  • Documentação
  • Arquivologia
  • Museologia
  • História da Educação
  • Áreas afins relacionadas com cultura, memória e representação

Acessar resenhas

Acessar dossiês

Acessar sumários

Acessar arquivos

Perspectivas e Diálogos | UNEB | 2018

Perspectivas e Dialogos uneb3 Perspectivas e Diálogos

Perspectivas e Diálogos: Revista de História Social e Práticas de Ensino (2018-) é um periódico semestral, online,  associado ao grupo de pesquisa Núcleo de História Social e Práticas de Ensino (Nhipe/Cnpq) do Departamento de Ciências Humanas, campus VI, da Universidade do Estado da Bahia, localizado na cidade de Caetité, Bahia, e vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Ensino, Linguagem e Sociedade (PPGELS) do Departamento de Ciências Humanas, Campus VI, da Universidade do Estado da Bahia.

A Revista tem por objetivo divulgar produções originais e inéditas de relevância científica na área de História com ênfase na História Social, na História da Educação e Pesquisa e Práticas de Ensino de História.

A Revista dialoga com a  literatura, a filosofia, a antropologia, a sociologia, a arqueologia, as variadas linguagens imagéticas e sonoras (cinema, fotografia, iconografia, música) e com as tecnologias de informação e de comunicação na pesquisa e no ensino.

Periodicidade semestral com publicação de dois números anuais (jan./jun – jul./dez.).

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

ISSN 2595-6361

Acessar resenhas

Acessar dossiês

Acessar sumários

Acessar arquivos

Ensino de Geografia | UFPE | 2018

Ensino de Geografia UFPE

A Revista Ensino de Geografia (Recife, 2018-) é uma publicação científica do Laboratório de Ensino de Geografia e Profissionalização Docente (LEGEP) da Universidade Federal de Pernambuco, que publica artigos científicos, revisões bibliográficas, resenhas e notas referentes a área de ensino de Geografia e afins.

Periodicidade quadrimestral

Acesso livre

ISSN 2594-9616

Acessar resenhas [Não publicou resenhas até 2021]

Acessar dossiês

Acessar sumários

Acessar arquivos

Horizontes Históricos | UFS | 2018

Horizontes Historicos Horizontes Históricos | UFS | 2018

Horizontes Históricos é uma revista eletrônica ligada ao Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal de Sergipe. O objetivo da revista é congregar textos de pesquisadores a nível de graduados, mestrado e doutorado – inserindo mestrandos e doutorandos – acerca de temas que versem sobre Relações Sociais e de Poder, Cultura, Identidades, bem como os entrelaces entre esses campos.

São aceitos trabalhos de História e áreas afins, explicitadas na área dedicada às submissões dos mesmos. A revista abre uma chamada livre por semestre e um dossiê temático anual, para os quais são recebidos artigos, resenhas críticas e entrevistas. A Revista busca atuar como um veículo difusor e fomentador da produção acadêmica, primeiramente dos pesquisadores locais e, em extensão, da pesquisa científica na área das Ciências Humanas e Sociais em geral.

Periodicidade semestral com lançamento de dossiês temáticos independentes

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

ISSN 2596 0377

Acessar resenhas

Acessar dossiês [Não publicou dossiês até 2021]

Acessar sumários

Acessar arquivos

Das Amazônias | UFAC | 2018

Das Amazonias Das Amazônias

Das Amazônias – Revista Discente do Curso de História da Universidade Federal do Acre (Rio Branco, 2018-) é vinculada a área de História do Centro de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Federal do Acre (CFCH/UFAC).

Tem por objetivo mobilizar e envolver pesquisadores, professores e estudantes de graduação e pós-graduação das áreas de Ciências Humanas, Educação e Linguagens, bem como manter relações com as experiências de professores da educação básica e de movimentos sociais das florestas e cidades amazônico-andinas.

As contribuições, na forma de artigos, entrevistas, resumos e resenhas, poderão ser livres ou vinculadas a dossiês temáticos organizados por profissionais dos cursos de História da UFAC e outras instituições.

Periodicidade semestral (Julho e Dezembro)

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

ISSN 2674-5968 (Eletrônico)

Acessar resenhas

Acessar dossiês

Acessar sumários

Acessar arquivos

 

History of Education | UFRN | 2018

Histtela2 History of Education

A revista History of Education in Latin America – HistELA (Natal, 2018-) é um periódico vinculado ao Grupo de Pesquisa História da Educação, Literatura e Gênero do Centro de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, exclusivamente eletrônico, de acesso aberto e publicação contínua de pesquisas com temas associados à história e à historiografia da educação.

A revista aceita manuscritos do tipo artigos, resenhas, entrevistas e documentos em português, francês, espanhol e inglês na área de história da educação e áreas correlatas.

[Periodicidade anual]

[Acesso livre]

ISSN 2596-0113

Acessar resenhas

Acessar dossiês

Acessar sumários

Acessar arquivos

Diálogos sobre a Modernidade | UFES | 2018

Dialogos sobre a Modernidade Diálogos sobre a Modernidade

Diálogos sobre a Modernidade (2018-) é a revista do Grupo de Estudos Modernidade Ibérica, sediada no Laboratório de História, Poder e Linguagens da Universidade Federal do Espírito Santo.

O Grupo de Estudos Modernidade Ibérica foi criado em 2011 com o objetivo de reunir investigadores brasileiros dedicados a refletir sobre o Reino português, nos seus mais diversos aspectos, durante a Época Moderna.

Surge no contexto do Programa de Pós-graduação em História Social das Relações Políticas da Universidade Federal do Espírito Santo, vinculado ao Laboratório de História Poder & Linguagens.

Valorizando a pesquisa empírica e o diálogo com as metodologias e as abordagens contemporâneas, propõe-se a descortinar temáticas já consagradas pela historiografia luso brasileira sob diferentes prismas, bem como introduzir novos objetos na cena da produção do conhecimento histórico.

Tendo como eixo o Estado, seus trabalhos vêm contemplando uma gama de problemáticas que, para além da história política, incluem as trajetórias e biografias, as redes de sociabilidade, as novas sensibilidades cortesãs, a produção de discursos e narrativas diversas, a história intelectual e institucional, dentre outros recortes.

Para além de sua composição regional, o GEMI tem ampliado sua interlocução com pesquisadores do Brasil e do exterior, por meio de parcerias sedimentadas no âmbito dos interesses e produções comuns: Universidade Católica de Salvador, Universidade de Salamanca, Universidade de Coimbra, Universidade de Santiago de Compostela, Universidade Nova de Lisboa, Université Paris-Est.

[Periodicidade anual].

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

ISSN [?]

Acessar resenhas

Acessar dossiês

Acessar sumários

Acessar arquivos

 

Kwanissa | UFMA | 2018

Kwanissa Kwanissa

A Kwanissa – Revista de Estudos Africanos e Afro-Brasileiros (São Luís, 2018-) é uma revista científica criada no seio do curso de Licenciatura em Estudos Africanos e Afro-Brasileiros e tem como foco: História e Cultura Africana e Afro-Diaspórica; – Relações étnico-raciais; Educação das relações étnico-raciais e lei 10.639/03; Políticas Públicas de promoção da igualdade racial; Epistemologias do Sul; Estudos da diáspora africana (cultura, ciência, etc.); Gênero, direito e políticas na diáspora africana.

Periodicidade semestral.

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

Acesso livre

ISSN 2595-1033

Acessar resenhas

Acessar dossiês

Acessar sumários

Acessar arquivos